Páginas

domingo, 17 de julho de 2011

CAPÍTULO 28 - "Vais arranjar alguém que te ame de verdade, Hugo."

No dia seguinte o Hugo foi encontrar-se com a Joana e chegou a casa despedaçado. Tinha acabado com ela.
Eu estava furiosa por ver o meu irmão assim! 
Aquilo que eu sempre tinha temido, estava agora a acontecer... O meu irmão e a minha melhor amiga estão chateados e o meu irmão está mal por causa dela... E agora? Apoio o meu irmão e viro-me contra a Joana? Ela é minha amiga, não posso fazer isso... Mas por mais que tente, custa-me ver o meu irmão assim! 

- Hugo, conta-me o que se passou! - pedi-lhe.
- Estivemos a falar, e eu disse que ela não tem sido uma boa namorada para mim... Ela disse que gosta de mim mas não quer ficar presa, quer curtir a vida... Então achei melhor acabar!
- E ela aceitou? 
- Ela ficou mal, mas é melhor assim... As coisas não funcionam e eu não quero isto para mim.
- Vocês são muito diferentes mano... Ela ainda não quer pensar numa vida a dois, é normal... Vais arranjar alguém que te ame de verdade, Hugo.

Fiquei furiosa! Queria ir falar com ela mas a pedido do Hugo não o fiz. Também pensei melhor, e percebi que não podia chatear-me com a minha melhor amiga, ainda por cima por um assunto que não me dizia respeito directamente... Só sei que enquanto eu me lembrar do quanto ela está a fazer sofrer o Hugo, as coisas entre mim e ela não vão ser a mesma coisa.

Ela tenta ligar-lhe imensas vezes mas ele insiste em não atender-lhe o telemóvel... Ela pede-me que eu fale com ele mas eu simplesmente lhe digo que não me quero meter, pois tenho medo de explodir e dizer algo que destruísse a nossa amizade.

Vejo que ela também está a sofrer mas, sinceramente eu também achava que ela não tinha sido uma boa namorada, apesar de ver que bem lá no fundo gosta muito do Hugo.

Falei com ela e decidi que por uns tempos, era melhor ela não ir lá a casa.

Decidi dar todo o apoio ao meu irmão, pois não aguentava vê-lo assim. Não me vou afastar dela, só quero que as coisas arrefeçam e voltem a ser como antes pois não suporto vê-los desta forma!

Num fim-de-semana, eu e o Fábio fomos convidados para um almoço na casa do Carlos Martins, e levámos o Hugo pois ele precisava de se distrair. Foi bom ver como ele se divertia enquanto não pensava na Joana! Agora só quero que eles se esqueçam e possam novamente ser amigos como dantes...

1 comentário: